LIDERANÇA VIROU PESADELO

Por um lado metas financeiras cada vez mais arrojadas pressionam os lideres por parte da diretoria, por outro os colaboradores exigem mais participação nas decisões, coerência e trabalho mais colaborativo. Estas exigências fazem com que as compensações financeiras de ser um líder sejam por muitas vezes repensadas por muitos. Ninguém quer simplesmente trocar horas de suas vidas por salário. Os líderes terão que mudar de atitude e dissuadir seus colaboradores a que façam o mesmo, sob pena de não obterem resultados esperados, não motivarem suas equipes e nem conseguirem reter seus novos talentos. Temos visto que as empresas gastam muito dinheiro em treinamentos e capacitação, mas não tem obtido resultados em auxiliar seus líderes no processo de amadurecimento e autoconhecimento, que são as bases de um processo de Coaching. Fale Conosco!

ver o artigo completo >